Jandaia: Caso de violência doméstica atendido pela PM e SAMU

1340

Às 18h30 de quinta-feira (11), foi solicitado que uma equipe policial deslocasse até a  Rua Professor Roberto Rezende Chaves, para prestar apoio aos socorristas do SAMU em um possível surto psicótico.

Segundo a PM, no local foi constatado que se tratava na verdade de uma violência doméstica envolvendo a vítima e seu amasio. A vítima relatou que estava em casa e quando seu marido chegou, em visível estado de embriaguez (fato este e ocorre quase diariamente, segundo a vítima) e durante uma conversa sobre uma possível mudança de residência o amasio se exaltou e empurrou a companheira contra o muro, causando algumas escoriações nos joelhos e ombro, dizendo que se ela saísse de casa ele iria fazer a vida dela um inferno, fazendo ela perder o emprego e passar fome, ameaçando-a de morte.

Dados os fatos, foi dada a voz de prisão ao amasio de 52 anos, que foi entregue na Delegacia de Polícia de Jandaia do Sul para serem tomadas as medidas cabíveis.

Compartilhar