Homem armado é detido pela Polícia na festa de Cambira

2239

Segundo a PM, a equipe de serviço estava saindo do local onde estava sendo realizado a Expocam às 2h57 da madrugada desta sexta-feira (16) e se deparou com pessoas obstruindo a via, sendo que a equipe ligou os sinais luminosos e sonoro da viatura e depois solicitaram verbalmente que desobstruíssem a pista para que a viatura passasse, no entanto uma pessoa permaneceu obstruindo a pista, momento em que o Sargento desembarcou da viatura e solicitou que o mesmo se identificasse.

Quando o Sargento se aproximou do primeiro, uma terceira pessoa veio em direção ao sargento, dizendo: “ninguém vai prender ninguém”, em seguida investiu contra o Sargento, porém foi contido.

Quando o Sargento já efetuava abordagem dele, mais uma vez a pessoa que foi identificada posteriormente investiu tentando agredir o Sargento, sendo que o soldado solicitou que o mesmo se afastasse, porém não obedeceu e prosseguiu com a tentativa de agressão, momento em que o Soldado teve que utilizar o bastão PR-90 para conter o agressor e impedir que o Sargento fosse atingido. Em seguida foi dada voz de prisão ao autor de 50 anos e realizada a busca pessoal sendo localizada em sua bota uma pistola calibre .380, marca Taurus, modelo PT 638 pro/sa, carregada com 11 munições. Em seguida, o mesmo resistiu e passou a desacatar os policiais dizendo: “seus capetas, participei do protesto dos professores em Curitiba, odeio policiais.” Foi então feito o algemamento e conduzido até o destacamento policial de Cambira para confecção do boletim.

Já no interior do destacamento, ele voltou a desacatar os policiais dizendo: “policiais do capeta, infernal, lazarento, vagabundos”. Posteriormente a equipe o conduziu à 17ª SDP para providências.

 

Compartilhar