Contas de luz não poderão mais ser pagas em casas lotéricas do Paraná

2336

(Banda B) A Copel anunciou nesta segunda-feira (12) que as contas de luz da empresa não poderão mais ser pagas em casas lotéricas. A medida afeta todo o estado do Paraná e começa a valer a partir desta terça-feira (13).

Em nota, a Copel informou que a Caixa Econômica Federal rescindiu unilateralmente o contrato com a empresa para pagamentos das faturas de energia nas casas lotéricas. “A Copel está recorrendo da decisão do banco na Justiça. Porém, caso se concretize, a rescisão do contrato vale a partir do dia 13 de março. De praxe no mercado, as empresas pagam uma taxa por fatura para que os bancos aceitem o pagamento. O contrato da Copel com a Caixa Econômica foi renovado em janeiro, com reajuste com base no INPC conforme previsto em cláusula contratual, e possui vigência até janeiro de 2019. No entanto, em fevereiro o banco reivindicou um reajuste de 47% nesta taxa”, disse a companhia.

A Copel disse ainda que, para analisar este aumento na taxa exigido pela Caixa, é essencial que o banco forneça documentos que comprovem esta necessidade. No entanto, a Caixa Econômica ainda não os forneceu.

A Banda B entrou em contato com a assessoria da Caixa, que ainda não se pronunciou sobre o impasse.

Compartilhar